Análise SWOT: Conheça a concorrência e alavanque seu negócio

3 minutos para ler

Uma das ferramentas clássicas da administração, amplamente utilizada no gerenciamento estratégico empresarial, é conhecida como Análise ou Matriz SWOT. Essa técnica é empregada com o objetivo de identificar os pontos fracos e fortes da sua empresa, determinando assim, vantagens e desvantagens sobre a concorrência.

A Análise SWOT possibilita mapear quais são os diferenciais do seu empreendimento e o que pode ser melhorado em vista do conhecimento das táticas do concorrente. Feita de forma adequada, essa análise pode direcionar o planejamento estratégico da empresa.

 O que é a Matriz SWOT?

A sigla SWOT é de origem inglesa e cada letra diz respeito as palavras strengths (forças), weaknesses (fraquezas), opportunities (oportunidades) e threats (ameaças). Ela corresponde a uma das etapas de um Plano de MarketingA razão para o uso de cada um desses termos será explicitada a seguir.

O levantamento de insumos para criar a matriz deve partir do pressuposto que existem dois cenários: interno e externo.

O ambiente interno é todo o meio que está sob controle da empresa e considera as forças (strengths), diferenciais do empreendimento que se tornam vantagens sobre a concorrência, e as fraquezas (weaknesses), isto é, pontos fracos internos do negócio.

Já o ambiente externo diz respeito ao meio que está fora do controle do empreendimento e, portanto, está sujeito a imprevisibilidade dos acontecimentos. Por conseguinte, podem surgir as oportunidades, fatores externos que podem cooperar com o sucesso da empresa, e as ameaças, situações externas que dificultam o seu crescimento.

Análise SWOT

É importante complementar que o êxito da ferramenta depende da simplicidade e objetividade na elaboração, além disso, é necessário distinguir o cenário atual do futuro, bem como manter o foco na área de atuação da empresa.

Suas Vantagens

Antes de elaborar uma Matriz SWOT, vale ressaltar algumas visões que por vezes não são consideradas com tanta relevância:

  • A SWOT não é exclusividade de grandes empresas, pelo contrário, pode e deve ser feita também por micro e pequenas empresas;
  • Conhecer os diferenciais do concorrente te permite ter maior domínio sobre o que irá enfrentar no mercado;
  • Norteia decisões futuras e auxilia na gestão de risco.

Conclusão

A SWOT corresponde a uma tabela que contém todos os dados expostos anteriormente. Além disso, sua análise é feita a partir do cruzamento das informações contidas.

Assim, possibilita vislumbrar quais aspectos devem ser mantidos e as possíveis mudanças que podem ser adotadas para deixar a sua empresa um passo a frente no mercado.

Texto escrito por Lorena Braga, Gerente de Projetos da PUC Consultoria Jr.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.